Team

Diogo Queimada é o mais recente membro do team SUP Norte e Infinity. Actual bicampeão nacional de SUP Wave (2016 e 2017), atingiu também as meias-finais do EUROSUP por duas vezes (5.º em 2016 e 8º. em 2017). Para 2018, Diogo Queimada irá competir nas ondas com uma Infinity shapada especialmente para ele por Dave Boehne na Califórnia e com uma infinity Blackfish 12’6 no circuito nacional de SUP Race, outra grande aposta do atleta para este ano. É também dono da SUP Alentejo, onde também dá aulas de Stand Up Paddle.

Um dos mais veteranos e vencedores atletas portugueses, José Cirilo foi campeão nacional em 2014 em todas as categorias do circuito nacional de SUP Race (Maratona, Sprint, Race Técnico). Foi o primeiro português a vencer uma prova internacional no Iberdrola Bilbao World SUP Challenge, terminando em primeiro tanto na Longa Distância, como no Sprint na classe 12’6. Foi ainda campeão nacional de C1 em 1991 e C2 em 1998 e 5º. no mundial de C2 de 1992. Após ausência por lesão, regressou à competição em 2017 à competição sagrando-se campeão nacional de SUP Race Maratona classe 14’0, tendo também sido o único atleta português a participar nos Pacific Paddle Games, a mais importante prova de SUP do mundo.

O mais recente team ride do team SUP Norte, Tiago Campos estreou-se em competição em 2016 e teve um ano em grande: 3º. classificado no circuito nacional de SUP Race Técnico (12’6) e Maratona (14’0) 2016 e vencedor do Nelo Summer Challenge 2016 (a mais importante prova de downwind em Portugal). Em 2017, foi  3º. classificado no circuito nacional de SUP Race Técnico (12’6) e 5.º na Maratona (12’6) Tiago é um apaixonado pelos desportos de água e pela SIC, tendo competido sempre com pranchas desta marca. Este ano o atleta nortenho junta a SIC Maui FX 12’6 Pro a um quiver que já contém a SIC X-Prolite 14 e a mítica Bullet 17’4.

Um dos primeiros praticantes de SUP no Norte de Portugal e fundador da SUP Norte, Nuno Sousa é também responsável pelo Onda Pura SUP Center by SUP Norte. Aficionado pelo downwind, adora todas as vertentes do SUP, incluindo ondas e race. Entre os seus melhores resultados, estão o 3.º lugar no Nelo Summer Challenge 2015 e 2016 e alguns 4.º lugares em diversas provas nacionais. Passa grande parte do seu tempo na água a dar aulas de SUP, como monitor nos famosos passeios pelos afluentes do Rio Douro, a surfar ou praticar downwind.

O mais recente e mais jovem atleta do team, Jorge Miguel, com apenas 18 anos, foi vice-campeão regional do circuito de SUP Race da Madeira sub-18, estando integrado na categoria Esperança, do nosso team.